sexta-feira, 14 de abril de 2017

SEXTA-FEIRA SANTA

     Por ser fiel ao Pai e à humanidade até o fim, Jesus não foge da cruz e dá seu exemplo supremo de amor. Como seus seguidores, unimo-nos a ele neste dia contemplativo, de despojamento e silêncio, vivenciando seu amor por todos nós.
   Às 9h na igreja matriz, foi realizada celebração penitencial seguida de bênção das plantas medicinais, presidida pelo pároco padre João Corbellini e animada pelos jovens do CLJ.
    Às 15h iniciou a celebração da paixão e morte do Senhor, com a presença do padre João Corbellini e animação litúrgica da equipe dos jovens do CLJ. Após adoração da cruz e comunhão, seguiu procissão do Cristo morto pelas ruas do distrito e culminando com a tradição do beijo ao Senhor.
 





















Nenhum comentário:

Postar um comentário